Translate

terça-feira, 22 de julho de 2014

Eleitor mais influente depois de Lula, Joaquim Barbosa abrirá seu voto?

 



O que fará nestas eleições o agora quase ex-juiz e ex-presidente do STF Joaquim Barbosa? Esta é uma pergunta que causa ansiedade a todos os candidatos à Presidência. Não é para menos. 26% do eleitorado afirmam em pesquisas que votariam “com certeza” em um candidato apoiado por Barbosa. Mais influente que Joaquim, somente Lula (36% dizem que escolheriam um nome apoiado pelo petista, segundo levantamento do Datafolha realizado em junho)
Foto de arquivo do Estadão Conteúdo
Quando anunciou sua aposentadoria precoce em junho (agora adiada para agosto), os três principais candidatos, Dilma, Aécio e Eduardo Campos, fizeram algum tipo de reverência a Joaquim Barbosa. Campos chegou a gravar um vídeo no mesmo dia em que o juiz anunciou seu afastamento precoce.

Como se sabe, Joaquim tem um pendor pela vida pública. É difícil imaginar que ele não vai se posicionar até outubro, quando acontece o primeiro turno das eleições.
 
Até aqui, se ele se pronunciará ou não é uma incógnita. Recentemente ele lançou uma conta no twitter (@joaquimboficial), mas suas poucas mensagens foram sobre a morte do escritor João Ubaldo, na última sexta-feira, e futebol. No dia 18 de julho, escreveu: “O Brasil amanheceu intelectual e espiritualmente mais pobre hoje em razão da morte de João Ubaldo. ‘Viva o Povo Brasileiro’, sempre!’. Antes da fatídica derrota do Brasil para a Alemanha no Mineirão, sugeriu o jogador Bernard “como arma p segundo tempo”.
 
________________________
Reprodução de:
Blog do Rogério Jordão